Prefeitura decreta LUTO de 07 dias em virtude do falecimento de Tico Neves


 Tico Neves - Capelinha MINAS GERAIS
O Prefeito de Capelinha, José Antônio Alves de Souza, no uso de suas atribuições,  decretou na tarde desta terça-feira, 03/03/2016, Luto Oficial por 07 dias, pela triste morte do senhor Tico Neves.
Walmir Sebastião Neves, o Tico Neves, faleceu na tarde desta quinta-feira, em Belo Horizonte. Tico vinha lutando desde junho de 2014 contra um Câncer. Em 2015, após realizar tratamento, reassumiu a Secretaria de Comunicação Social. Porém, teve que retornar o tratamento.
A Prefeitura também informou o cancelamento do  “Dia D contra o Aedes Aegypti”, previsto para acontecer na manhã desta sexta-feira, 04/03.

Valmir Sebastião Neves nasceu no dia 29 de dezembro de 1960, filho de Geraldo e Salete Neves. Formou-se em jornalismo em 1985; no ano seguinte retornou pra Capelinha sendo um dos bandeirantes modernos na área de comunicação. Fundou o Jornal “Voz do Jequitinhonha”, o primeiro jornal da cidade publicado com fotos. Tico participou da criação da Festa do Capelinhense Ausente, promoveu eventos e era locutor e animador de todo tipo de festa que acontecia em capelinha e várias cidades da região.

Em 1988, tornou-se vereador, seguindo carreira política ate 2008. Coordenou algumas campanhas políticas, foi candidato a prefeito em 2000 e a deputado estadual em 2002. De março a dezembro de 2014 foi prefeito de Capelinha. Na década de 80, Tico participou ativamente da Semana da Cultura e foi presidente da Associação Comercial de Capelinha, por vários anos. Teve uma atuação marcante na Rádio Aranãs FM, desde a sua fundação em 1991, sendo seu gerente e depois diretor geral. Na emissora criou o programa “Canta Minas”, voltado para a música e a cultura mineira e foi o idealizador da Copa Aranãs FM de Futebol, evento que movimentou o esporte na região entre 2007 e 2013.

Em 2009 Tico realizou um antigo sonho: Publicou o livro “No tempo das gabirobas”, um resgate da memória fotográfica e histórica de Capelinha. O livro enfoca o período de 1809, ano da fundação da cidade até 1975.

Tico deixa a esposa Preta Vieira e três filhas, verdadeiras paixões de sua vida: Maria Tereza, Maria Luíza e Ana Beatriz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s