Estudante Capelinhense participa de evento de entrega de cartões de boas-vindas para atletas da Grã-Bretanha


Letícia Alves é a primeira em pé, da esquerda para a direita. FOTO: Marcelo Sant'Anna/Imprensa MG
Letícia Alves é a primeira em pé, da esquerda para a direita. FOTO: Marcelo Sant’Anna/Imprensa MG

Os 17 alunos da rede estadual de ensino que venceram o concurso “Welcome Great Britain” participaram, na manhã desta sexta-feira (5/8), do treino da equipe de atletismo da Grã-Bretanha, quando entregaram cartões de boas-vindas – criados por eles – aos atletas britânicos. O treino foi realizado no Centro de Treinamento Esportivo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em Belo Horizonte, onde a equipe se prepara para as Olimpíadas do Rio.

O concurso “Welcome Great Britain” foi promovido pela Assessoria de Relações Internacionais do Governo de Minas Gerais, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE) e o Núcleo de Articulação Minas 2016. Participaram 139 escolas de 113 municípios. O desafio dos alunos era produzir cartões de boas-vindas com frases em Inglês para a delegação do Reino Unido – uma forma de sensibilizar os estudantes para a importância do idioma inglês. Foram mais de 2 mil cartões produzidos.

Aluno do 8º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Professora Maria Teixeira da Fonseca, em Tarumirim, no Território de Desenvolvimento do Vale do Rio Doce, Nicollas Gustavo Lima Souza, conta em que se inspirou para produzir seu cartão. “Busquei inspiração nos valores olímpicos, como a união. Esse valor olímpico é muito válido para estreitar as relações entre o nosso país e a Grã-Bretanha. Estar aqui hoje assistindo a esse treino é uma honra”, disse.

Além de acompanhar o treino, os estudantes vencedores do concurso também tiveram a oportunidade de conhecer pontos turísticos da capital mineira. A estudante Letícia Alves da Silva, do 6º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Professor Antônio Lago, em Capelinha, no Território de Desenvolvimento Alto Jequitinhonha, conta como foi: “Não conhecia Belo Horizonte e foi muito surpreendente. Os lugares que mais gostei foram os museus do Circuito Cultural da Praça da Liberdade”.

Na mensagem escrita por Letícia, os atletas tiveram acesso a calorosas boas-vindas. “Escrevi que eles têm o nosso apoio e que nós somos sua nova família. Também falei que eles podem se sentir à vontade no Brasil”, garantiu.

A seleção dos vencedores foi feita em duas etapas. Foram escolhidos os dois cartões mais curtidos de cada território de desenvolvimento de Minas Gerais na página criada no Facebook para o concurso, totalizando 34 estudantes selecionados. Outros 17 cartões foram escolhidos pela comissão avaliadora – um de cada território (17 cartões vencedores, sendo um aluno e um professor por cartão) – obedecendo aos critérios de qualidade linguística, qualidade gráfica, qualidade do relacionamento entre o Reino Unido, Minas Gerais e os valores olímpicos.

Confira aqui a lista dos alunos vencedores e os cartões.

Ação educativa

A secretária de Estado de Educação, Macaé Evaristo, também participou da atividade e destacou a importância da ação. “Queríamos demonstrar esse carinho e esse acolhimento que Minas Gerais tem de receber bem as pessoas de qualquer lugar do mundo. As Olimpíadas são um momento importante para o país refletir sobre a importância da diversidade, dos direitos humanos, da convivência democrática entre todos os povos e reafirmar ideais de liberdade. É muito importante que a gente aproveite esses momentos para formar crianças e jovens nesse ideário de convivência entre todos os povos de respeito e solidariedade”, afirmou.

Já o Chefe da Assessoria de Relações Internacionais do Governo de Minas Gerais, Rodrigo Perpétuo, destacou a integração dos territórios na realização do concurso. “O concurso transcende o próprio propósito de celebração das Olimpíadas. Estamos valorizando a disciplina de Língua Inglesa para a comunidade escolar e dando o exemplo de como as relações internacionais podem ser um instrumento de promoção da cidadania, de reforço das políticas públicas e de aproximação dos 17 territórios de Desenvolvimento com a capital, Belo Horizonte”.

A sessão de treinos contou também com as presenças do secretário de Estado de Esportes e coordenador do Núcleo de Articulação Minas 2016, Carlos Henrique, do cônsul geral do Reino Unido em Belo Horizonte, Thomas Nemes, do gerente da Associação Olímpica Britânica (BOA, na sigla em Inglês), Paul Ford, além de outros representantes da delegação britânica.

Para o secretário Carlos Henrique, o momento de interação entre alunos e atletas também é parte do legado olímpico. “É uma oportunidade única. Não sabemos quando os jovens terão a chance de ter contato com atletas que disputarão a Olimpíada e isso desperta o interesse, a vocação para a prática esportiva”, afirmou. Após a entrega dos cartões aos atletas britânicos, Paul Ford presenteou os estudantes com camisas da equipe britânica.

FONTE: AGÊNCIA MINAS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s